Vejam um ciclista, ele gosta de ajudar as pessoas e de preservar a natureza

Olá Visitante
 


 
Depoimentos



Autor: Inaldo
Data: 19Maio2008
Fonte: E-mail

Título: SUPERANDO LIMITES V

Bom dia Comunidade!!!

Tem um tempão que eu não escrevo na lista mas não poderia deixar de expressar minhas impressões do Superando Limites V.

Tinha um mega tempo que eu não pedalava, meu último pedal foi tinha sido o Audax 200, e realmente esse superando foi, pra mim, uma mega superação!!!

Meu, cheguei precisando de outra bunda em Pirinópolis!!!

Como no ano passado tive a agradável companhia do Friderich Merten, esse ano andando muito, me deixou comendo poeira em todas as subidas, e do meu brother de mergulho Dedé, que também não tava lá essas coisas no preparo. Mesmo assim, apesar da má preparação, conseguimos chegar em Piri antes do anoitecer, 17:30, melhor do que ano passado quando chegamos de noite, junto com a "nova onda"! hehehehe

Infelizmente tive que voltar pra BSB no sábado mesmo, pra trabalhar no domingo, e não pude ir à confraternização do pessoal.

Por isso quero registrar aqui coisas que me chamaram a atenção durante o percurso.

Primeiro - A Tandem da Dani Lemke e Wallace, que vibe boa esses dois têm ao pedalar!! Nas vezes em que eles davam uma folga no ritmo e eu conseguia pedalar ao lado deles a diversão era certa!!O espírito do Wallace, 52 anos e dando coro em muito moleque, é de encher os olhos, sempre fazendo piada e nunca deixando a peteca cair sobre suas dificuldades, fosse com a falta de visão, com a corente quebrada até o PA 3 ou com o joelho que insistia em doer em todo o percurso, foram uma mega lição pra mim!!!Você é um exemplo pra todos nós, já era seu fã desde o Audax 300 no ano passado, e só posso dizer que estou mais cativado ainda depois de te conhecer melhor ao longo desse superando! O mesmo pra você Dani, sempre "narrando" o percurso pro companheiro, cantando ou sendo uma super guia naquele single cheio de pedras traiçoeiras!! Parabéns pela conquista!!

Segundo - A atitude de três "pipocas" que pararam pra dar suporte técnico à tandem da Dani e do Wallace antes do PA 3, só lembro do nome de um deles, Beethoven, valeu pelo conserto na corrente! O espírito Rebas está com vocês!!

Terceiro - O desempenho do meu amigo Dedé, com o ciático pinçando desde o KM 20, o cara não desistiu!!Ainda me deixou comendo poeira no single antes de chegar em Piri, valeu guerreiro!!! Vc também me inspirou pra cacete!!!

Quarto - e já está acabando... A Kátia Maia e o Maurício, ela com dor de cabeça até Corumbá, depois, já na última parte do percurso, eu dei duas aspirinas pra ela, ela me disse que tinha melhorado. No single das pedras levou dois tombos que se fosse comigo eu teria desitido de andar mas não, levantava montava na bike e seguia sem reclamar! Disse que os analgésicos tinham feito efeito no corpo todo!!! Valeu guerreira!!!

O Maurício outro exemplo, andando nos singles igual menino!! Show!! Por último e não menos importante, a super organização liderada pelo nosso querido amigo Márcio Bittencourt!! valeu cara!! Saiba que tudo estava, como diz o nosso amigo Rodrigo do apoio, "da melhor qualidade", não faltou água, fruta, gatorade e incentivo em nenhum apoio!!! Valeu!!! Bom galera era isso que eu tiha pra dizer pro grupo, desculpem o longo depoimento mas tinha que "soltar o verbo" pra vocês!!

Abraço à todos!!

Inaldo.

P.S. Esqueci de dizer, o meu número de inscrição, 24, gerou várias brincadeiras ao longo do percurso, em todos o apoios era " Vem chegando o 24 galera!!!" , "vai saindo o 24 galera!!!" ahuahuahua hilário!! Mas olha lá hein, só fui o 24 no sábado, depois virei Inaldo de novo ok? ahuahuahauhau

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site
Webdesigner: Débora Alves

A primeira versão deste site foi construída por Eliézer Roberto Pereira , Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado que infelizmente nos deixou em dezembro de 2004.

Posteriormente o nosso amigo Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos, desenvolveu com dedicação ímpar uma nova versão. Marcelino faleceu em julho de 2013 e além do site deixou entre outros legados importantes a padronização dos procedimentos de operacionalização e condução dos eventos Rebas.

Mantemos a página principal o mais próximo possível do desenho original em homenagem aos dois fundadores.

As marcas Rebas® e Rebas do Cerrado®, bem como o logotipo® do grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI), com todos os Direitos Reservados.